Guia de Encontro

O combate é um pilar significativo de Elysium’s Door. Os jogadores se sentem envolvidos e recompensados ao enfrentar monstros que correspondem ao seu nível de poder e têm habilidades interessantes.

Como Mestre do Jogo (GM), você decide como conduzir um encontro e como isso afetará a narrativa mais ampla, se afetar. Seu trabalho é desafiar os jogadores para que, ao superarem os obstáculos, se sintam recompensados. Você não é o inimigo dos seus jogadores, mas uma força imparcial que aplica as regras do jogo e garante o fluxo da narrativa.

No entanto, os próprios monstros também querem vencer. Eles não sabem que fazem parte de um sistema de RPG; para eles, são criaturas vivas e “carne e osso”.

Índice

Encontros fazem parte da história

Os encontros são destinados a desafiar os jogadores, mas são mais eficazes quando têm algum tipo de propósito e conexão com a história. Mesmo encontros aleatórios devem ajudar a construir a história/aventura do jogo, adicionando detalhes interessantes ou novas informações para os jogadores.

Você deve se perguntar: Por que esse encontro está acontecendo? Mesmo que a resposta seja tão simples quanto ‘os monstros estão com fome ou territoriais’, você terá uma compreensão melhor sobre o encontro e como encerrá-lo. Por exemplo, um monstro faminto fugirá se ficar muito ferido, mas um zumbi sem mente não irá fugir.

Como Conduzir Encontros?

Existem 2 etapas principais para iniciar um encontro:

  • Iniciativa
  • Rodada e Turnos

Iniciativa

Então, como começa o combate? Com a Iniciativa, é claro!

No início do combate, cada criatura envolvida faz uma rolagem especial chamada Iniciativa. Normalmente, você faz um Teste de Reflexo para a Iniciativa, mas pode haver situações em que você poderia usar um Teste de Furtividade se estivesse se escondendo, ou Atletismo se estivesse correndo quando o combate começasse. O Mestre do Jogo (GM) sempre determinará qual Perícia será usada para a Iniciativa quando o combate começar.

Em caso de empate, a criatura com o Atributo de Sorte mais alto vai primeiro. Se elas tiverem o mesmo Atributo de Sorte, então as criaturas fazem um Teste de Sorte em vez disso, e quem tirar o número mais alto vai primeiro.

Rodada e Turnos

O combate é uma situação caótica onde múltiplas criaturas lutam com diversas habilidades ao mesmo tempo. Para representar essa cena caótica, o combate é organizado em rodadas, sendo que cada rodada dura cerca de 6 segundos.

Durante cada rodada, cada criatura que está participando do combate tem um turno. Durante o seu turno, você pode se movimentar, realizar ações e ações bônus, e até reações. Você não pode fazer nada durante os turnos de outras criaturas, a menos que utilize sua reação.

Assim que uma rodada termina, uma nova rodada começa com a mesma ordem de turnos da primeira rodada. O combate só termina se todas as criaturas hostis forem derrotadas ou se renderem, ou se uma criatura tentar fugir do combate. Nesse caso, o Mestre do Jogo (GM) provavelmente declarará um Desafios de Perícia.

Rodadas Dinâmicas

Os combates podem mudar de repente. Durante o início de uma rodada, novas criaturas podem entrar no combate, ou mudanças no ambiente podem ocorrer no campo de batalha. Se uma nova criatura aparecer, essa criatura faz uma rolagem de Iniciativa, possivelmente alterando a ordem dos turnos.

Rodadas Surpresas

Quando um grupo de personagens deseja realizar um ataque furtivo sem ser notado, todos eles fazem um Teste de Furtividade em Grupo, o CD é igual à maior Percepção Passiva entre as criaturas que estão tentando se esconder.

Se eles tiverem sucesso neste Teste de Furtividade em Grupo, ocorre uma Rodada Surpresa, na qual todas as criaturas Surpresas não recebem um turno para agir.

Como você prepara Encontros?

Encontros são projetados para desafiar os jogadores e avançar na narrativa.

Um encontro pode contar a história da região, progredir na história do passado de um personagem, criar uma missão paralela ou até mesmo servir como a missão principal, se houver uma.

Dito isso, há 3 coisas a considerar ao criar um encontro: Tier, Pontos de Desafio, Ambiente.

Tier

Todas as criaturas têm um Tier que reflete o perigo que representam. Criaturas com Tier 0 são em sua maioria inofensivas, enquanto aquelas com Tier 6 são algumas das criaturas mais incrivelmente perigosas que existem.

Seus jogadores também têm um Tier. Se você lançar criaturas com o mesmo Tier contra eles, você pode criar um encontro equilibrado.

Se você lançar um monstro de um Tier superior para seus jogadores, o encontro se tornará mais desequilibrado e perigoso para eles. Da mesma forma, se você lançar um monstro de um Tier inferior para seus jogadores, o encontro também será desequilibrado porque será muito menos perigoso.

Pontos de Desafio

Todas as criaturas têm Pontos de Desafio, que representam seu poder total. Criaturas com muitos Pontos de Desafio são normalmente mais fortes do que aquelas com poucos Pontos de Desafio.

Para comparar o poder do monstro com seus jogadores, você precisa somar o total de níveis de todos os seus jogadores juntos e comparar com os Pontos de Desafio de todas as criaturas no combate.

Por exemplo, se você tem 3 jogadores de Nível 2, haveria um total de 6 Pontos de Desafio para definir um encontro fácil. Você poderia usar 6 criaturas com 1 Ponto de Desafio, 2 criaturas com 3 Pontos de Desafio ou qualquer outra combinação.

Você não é obrigado a usar todos os pontos ou mesmo a se restringir aos pontos máximos de seus jogadores, mas isso afetará a dificuldade do combate. Tenha em mente que seus jogadores também podem ser mais fortes contra certos tipos de inimigos ou ter boa sinergia entre suas classes, o que pode aumentar seu poder geral. Pontos de Desafio são mais uma diretriz, mas você pode ajustá-los conforme necessário.

Além disso, seus jogadores podem ter consumíveis fortes e equipamentos especiais que podem aumentar significativamente seu poder além de seus níveis. Como GM, é seu trabalho considerar essas coisas ao projetar encontros.

Esteja atento à quantidade de criaturas no encontro. Geralmente, é recomendável usar mais de 1 criatura por encontro para manter as coisas interessantes.

Interação entre Tier e Pontos de Desafio

O Tier de um monstro afeta grandemente seu poder.

Mesmo que duas criaturas tenham os mesmos Pontos de Desafio, aquela com um Tier mais alto será muito mais forte. Por exemplo, se você usar um monstro com 10 Pontos de Desafio e Tier 2 contra um jogador de Nível 10, o encontro será muito fácil para o jogador, pois ele está no Tier 4.

Da mesma forma, se você usar um monstro com 10 Pontos de Desafio e Tier 4 contra cinco personagens de Nível 2, os personagens provavelmente morrerão, dado que eles estão no Tier 1 e o monstro está no Tier 4.

Você também pode usar monstros de diferentes Tiers na mesma batalha. Por exemplo, você pode usar um chefe com o mesmo Tier dos jogadores, mas os lacaios podem ter 1 Tier a menos que os jogadores, apenas para proteger o chefe.

Aqui está uma tabela mostrando o Tier dos jogadores dependendo de seus níveis:

Tabela do Tier

Tier Nível Total
1
1 a 2
2
3 a 4
3
5 a 8
4
9 a 12
5
13 a 16
6
17 a 20

Ambiente

O Ambiente também pode impactar o combate de muitas maneiras diferentes. Criar terrenos difíceis e rápidos, alterar altitudes, ter cobertura e outras peças dinâmicas pode criar certas vantagens e desvantagens no combate.

Por exemplo, se você estiver em um pântano, toda a lama pode ser considerada terreno difícil, retardando todos os seus jogadores e criando desafios adicionais durante a luta.

Também pode haver objetos que podem ser usados durante o combate. Por exemplo, se você estiver em uma ruína com pilares instáveis, seus jogadores podem facilmente usar isso a seu favor para tentar fazer com que aquele pilar caia nos monstros e derrotá-los no processo.

Também pode haver outros objetos quebráveis, como pontes de corda, árvores, o teto, assoalhos e muitos outros.

O ambiente também pode ser dinâmico, como um navio afundando, o interior de um vulcão ativo cuspindo fogo por toda parte, uma dimensão diferente onde tudo flutua, e muitos outros.

Estilos de Encontro

Você quer uma luta rápida e mortal, ou vários encontros que exaurem lentamente seus jogadores? Talvez algo no meio? Aqui estão alguns estilos que você pode usar para planejar seus encontros do jeito que deseja:

  • Exaustivo
  • Equilibrado
  • Mortal

Exaustivo

Se você deseja realizar vários encontros por dia, pode usar monstros com 1 Tier a menos que seus jogadores.

Portanto, se você tem jogadores do Tier 3, pode usar monstros do Tier 2, e realizar múltiplos encontros durante o dia, por exemplo.

É recomendável usar esse tipo de encontro cerca de 3 a 5 vezes antes dos jogadores realizarem um Descanso Longo, para drenar lentamente seus recursos e pontos de vida.

Equilibrado

Se você deseja realizar um encontro equilibrado, pode usar monstros com o mesmo Tier que seus jogadores.

Assim, se você tem jogadores do Tier 3, pode usar monstros do Tier 3, por exemplo.

É recomendável usar esse tipo de encontro 2 ou 3 vezes antes dos jogadores realizarem um Descanso Longo, dando-lhes tempo para realizar um Descanso Curto entre os encontros também.

Mortal

Se você deseja realizar um encontro mortal, pode usar monstros que tenham 1 Tier a mais que seus jogadores.

Portanto, se você tem jogadores do Tier 3, pode usar monstros do Tier 4, por exemplo.

É recomendável usar esse tipo de encontro 1 ou 2 vezes antes dos jogadores realizarem um Descanso Longo, dando-lhes tempo para realizar um Descanso Curto entre os encontros também.

Tenha em mente que este será um tipo de encontro de alto risco e um tanto desequilibrado. O monstro causará mais dano e poderá facilmente matar um personagem.

Dificuldade do Encontro

Quão difícil você quer que o encontro seja? Você deseja uma dificuldade padrão, um pouco mais difícil, ou apenas um combate muito difícil e longo? Aqui estão algumas sugestões sobre como controlar a dificuldade de cada encontro:

  • Fácil
  • Padrão
  • Difícil

Fácil

Se você quer um desafio que não seja muito difícil, pode optar por um encontro fácil.

Neste caso, você pode usar monstros cujos Pontos de Desafio combinados sejam iguais ao nível combinado dos personagens dos jogadores.

Por exemplo, se você tiver 4 jogadores de nível 5, pode usar monstros cujos Pontos de Desafio combinados sejam iguais a 20 (4 vezes 5) no encontro.

Padrão

Se você quer desafiar seus jogadores, pode optar por um encontro padrão.

Neste caso, você configuraria o encontro da mesma forma que faria para a dificuldade fácil, mas adicionaria Pontos de Desafio adicionais iguais ao nível de um jogador.

Por exemplo, se você tiver 4 jogadores de nível 5 na mesa, pode usar monstros cujos Pontos de Desafio combinados sejam iguais a 25 (20 + 5) no encontro.

Difícil

Se você quer uma batalha épica e difícil que deixe todos os jogadores tensos, pode optar por uma dificuldade difícil.

Neste caso, você configuraria o encontro da mesma forma que faria para a dificuldade fácil, mas adicionaria Pontos de Desafio adicionais iguais ao dobro do nível de um jogador.

Por exemplo, se você tiver 4 jogadores de nível 5 na mesa, pode usar monstros cujos Pontos de Desafio combinados sejam iguais a 30 (20 + 5 + 5) no encontro.

Dicas

Dicas de Combate

Durante cada turno, a maioria das criaturas geralmente vão atacarr e causarr algum dano. No entanto, o combate pode ficar mais lento se houver vários ataques sendo realizados. Como Mestre do Jogo (GM), existem algumas dicas que você pode usar para evitar isso.

  • Rolando todos os Ataques de uma vez: Quando uma única criatura realiza múltiplos ataques durante seus turnos, é mais fácil rolar todos os seus ataques de uma vez e, em seguida, rolar o dano para cada ataque que acertar. Apenas lembre-se de declarar os alvos desses ataques antes de rolar!
  • Lembre-se da Concentração: Após causar dano, lembre-se de perguntar aos seus jogadores se eles estão mantendo a Concentração. O dano pode quebrar a Concentração deles, alterando potencialmente o curso da batalha.
  • Conheça seu Monstro: Se você souber como a criatura funciona, será muito mais fácil usá-la em batalha, assim como fora dela. Isso pode ser difícil no início, mas depois de algumas sessões, ficará muito mais fácil para você.

Aqui está uma pequena lista com todas as Ações, Ações Bônus, Reações e Bônus com os quais cada criatura começa:

  • Ações: Atacar, Esquivar, Agarrar, Esconder, Segurar Ação, Usar Ambiente/Objeto
  • Ações Bônus: Correr, Desengajar, Empurrar, Montar/Desmontar
  • Reação: Ataques de Oportunidade, Usar Escudos
  • Ação Livre: Trocar Escudo ou Armas, Influenciar

Dicas de Encontro

Aqui estão algumas boas dicas ao preparar seu encontro:

Pontos de Desafio estão relacionados a PV e Postura

Os Pontos de Desafio afetam diretamente a quantidade de PV e Postura que uma criatura tem. Você pode conferir os detalhes no Guia de Construção de monstros.

Isso significa que se você colocar muitos Pontos de Desafio em um encontro, os monstros vão parecer mais “esponjosos” para os jogadores, pois você estará dando a eles muitos PV.

Por outro lado, se você colocar poucos Pontos de Desafio em um encontro, os monstros vão parecer frágeis e fracos.

Tier está relacionado à complexidade e dano

Quanto maior o Tier, mais complicada será a criatura, e maior será seu potencial de dano.

Sempre tenha cuidado ao usar monstros de Tier mais alto, pois eles podem ter várias habilidades poderosas e podem parecer avassaladores para novos Mestres do Jogo (GM).

Use diferentes tipos de Monstros

Quanto mais variedade, mais diversão.

Ao preparar um encontro, tente usar pelo menos 3 a 5 tipos diferentes de criaturas. Dessa forma, os jogadores sentirão que há mais acontecendo no combate e os monstros não terão a mesma jogada repetidamente.

Se você quiser lançar goblins contra seus jogadores, pode usar os vários tipos de goblins disponíveis para tornar o combate mais interessante e dinâmico.

É claro que pode haver algumas exceções. Se você estiver narrando um bando de gnolls famintos, ou apenas uma gangue de arruaceiros, você pode ignorar esta dica.

Não tenha medo de Improvisar

Não tenha medo de adicionar habilidades às criaturas no meio do combate ou tomar uma decisão na hora, mesmo que não seja 100% precisa de acordo com as regras escritas. Manter o combate interessante e dinâmico é mais importante do que seguir estritamente cada regra.

No entanto, é sempre bom conhecer as regras antes de quebrá-las.

Faça Anotações antes do Encontro

Os jogadores precisam lidar com terrenos difíceis ou objetivos especiais durante o combate? É uma boa prática anotar esses detalhes antes do encontro, pois há muitas coisas para gerenciar no calor do combate e é fácil esquecer.

Seja Transparente com os Jogadores

Um Mestre do Jogo (GM) transparente compartilha todas as informações necessárias com os jogadores para que eles possam tomar decisões informadas e se sentir totalmente envolvidos no jogo.

Isso inclui ser honesto sobre as regras, desafios e resultados potenciais de suas ações. Ser transparente constrói um senso de confiança e respeito entre os jogadores e o Mestre do Jogo (GM), tornando o jogo mais harmonioso e divertido.